4 de jan de 1984

Não tenho coragem de pular no fogo

As vezes queria ter coragem pra ser louco como eles
Viver a vida à toda
Vivenciar tantas experiencias pra não caber mais
Loucuras, devaneios
Viver uma vida sem freios
Sair por aí
Sem rumo 
Sem caminho
Amar o momento até o ultimo fio
De sua vida