1 de jan de 1984

A partir de agora

Precisava botá-los pra fora
Deixá-los respirar ar fresco
E serem banhados pela luz

Libertos das páginas agora
Das pautas, como um cerco
Ao meu coração farão jus

Voam livres nessa hora
Livres daquele aperto
Se libertam da cruz